As vezes “não fazer nada” é na verdade fazer algo e a melhor opção!

Sim, o titulo pode parecer estranho porém estive refletindo após ler um post “o que fazer com 2 milhas?” na hardmob (sim, eu acompanho o fórum da hardmob, foi lá que comecei a estudar e conhecer o mundo dos investimentos).

O post em questão foi criado em em agosto de 2014 e o autor diz que iria receber uma fazenda como parte da herança de seu avô com valor em entre 1,7 e 2,0 milhões. Não houveram respostas interessantes e para a surpresa de todos em setembro 2019 o autor retorna em novo post e diz que não fez praticamente nada com a herança, deixou arrendada enquanto se formava em agronomia e que hoje tem a expectativa de grande valorização devido a construção de um silo na propriedade ao lado. O autor comenta que outros herdeiros venderam sua parte e tentaram aplicar em outras áreas como entretenimento, aluguel ou consumo e todos possuem um patrimônio menor que no momento da distribuição da herança.

A ideia do post foi porque nesse exercício acabei abraçando um prejuízo de R$ 0,60 por opção que havia lançado de VVAR3 e acabei zerando na quarta feira quando poderia ter abraçado apenas R$ 0,20 de prejuízo se tivesse aguardado ate sexta feira hehehe. Liçōes da vida..

2 pensou em “As vezes “não fazer nada” é na verdade fazer algo e a melhor opção!

  1. É… Basicamente é uma linha de raciocínio voltada a “não estou disposto a perder” que é altamente válida. Isso acontece muito pois o pessoal acaba querendo investir sem saber direito como…

    Já constei seu blog na minha lista de recomendação

    Um forte abraço,

    Intendente Frugal

    • Pois é.. hehe achei super interessante o “não fazer nada enquanto se prepara”.. como acontece o oposto em muitos casos onde as pessoas tentam tomar decisões sem conhecer o negócio..

      Vou adicionar você também, abs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *